A música e o português como língua de herança

Dicas para ensinar idiomas para as crianças EspanhaPLH - Português Língua de Herança


Escrito por Nina Cavalcante Fevereiro 9, 2018 em https://www.brasileirinhospelomundo.com/a-musica-e-o-portugues-como-lingua-de-heranca/


Sempre nos pegamos buscando maneiras para que os pequenos assimilem nossa língua materna. Incontáveis são as vantagens disso: bilinguismo, riqueza cultural, maior desenvoltura; bem como inúmeras são as ferramentas para atingir esse fim.

Música é algo que me apaixona. Gosto de escutar, cantar (ainda que não tenha talento) e de observar os variados estilos – desde as que têm o poder de mudar teu estado emocional, as cheias de filosofias, até aquelas que não dizem muito mas te fazem mover. – E, adivinha! A música, com seu caráter universal, é uma daquelas ferramentas para familiarizar e desenvolver os pequenos na apreensão da língua, cultura e costumes de herança.

Durante a gestação, o primeiro sentido a se formar é a audição (por volta da 20a semana): estudos comprovam que o feto escuta e reconhece a voz da mamãe desde esse período, e é esse um dos artifícios utilizados para acalmá-lo. Percebe-se logo a importância na relação do ser humano com essa forma cognitiva. Baseado nessa premissa, afirma-se que o estímulo musical pode começar desde cedo, em casa, ao cantarolar cantigas infantis ou ouvir músicas, por exemplo. A harmonia dos sons estimula o desenvolvimento intelectual, a audição e a fala. Também, ainda no ventre da mãe, as crianças criam o ato de se mover e, posteriormente, vão desenvolvendo as diferentes habilidades de movimento, explorando o seu meio, descobrindo e produzindo os sons, ritmos e, assim, criando suas “músicas”.

Logo após o nascimento, a criança se encontra num momento sensível à aprendizagem e a musica é um forte estímulo para ativar circuitos cerebrais, não podendo ser desperdiçada neste período.

À medida que ouve ou canta uma música, a criança vai armazenando as palavras no seu domínio linguístico, favorecendo seu desenvolvimento e posterior aumento de vocabulário. Isso se dá através da repetição do som, com ou sem conhecimento da palavra. A criança assim faz música brincando e melhora o seu humor.

Quando assiste a um clipe musical e realiza movimentos ou dança com ele, faz uso do seu corpo para se expressar, além de adquirir habilidades que contribuem para o desenvolvimento da noção espacial. Dessa maneira, a música movimenta, mobiliza, atingindo a afetividade e contribuindo para a transformação e desenvolvimento. Talvez seja por isso que esquecemos coisas que aprendemos de uma língua estrangeira, mas recordamos das músicas estrangeiras. E quem não se lembra das músicas da sua infância?

Mas é preciso cautela na música a ser apresentada para as crianças, assim como o nível de complexidade dos vocábulos utilizados. Para iniciação musical, as clássicas são as mais indicadas, chamando a atenção e relaxando os bebês. Após a gestação e primeiros meses, as músicas infantis que estimulam a fazer o bem, abordam a temática da natureza ou ensinam partes do corpo, costumam ser as mais indicadas, uma vez que são fáceis de rimar, como “roda-roda”, “o sapo não lava o pė” e outras, devendo-se sempre ter em conta a fase de linguagem em que se encontra a criança.  Com o tempo fui descobrindo vários projetos musicais muito especiais para pequenos e compartilho com vocês agora:

Palavra Cantada – dupla musical infantil formada em 1994 que apresenta letras elaboradas e sensíveis. O “tchimbu tchimbu da cabeça ao bumbum” virou hino da hora do banho por aqui;

Grupo Trii –  faz um convite a interagir com a música através da brincadeira, ritmando sons e palavras e trazendo a musica para a realidade das crianças;

Zoró Bichos Esquisitos, do Zeca Baleiro- os clipes têm animações muito interessantes. Música boa para toda a família, surgiu quando os filhos do Baleiro ainda eram crianças, mas foi gravado posteriormente;

Músicas de Brinquedo, do Pato Fu –  com dois álbuns, usam brinquedos infantis para tocar música antigas para crianças. O show conta com bonecos;

Adriana Partimpim – trabalho da Adriana Calcanhotto que oferece uma introdução dos mais variados estilos musicais para os pequenos.

E, além desses, com certeza há muito mais. Se você conhece outros, compartilhe aqui nos comentários para que mamães de todos os cantos possam conhecer e ampliar as possibilidades  de ensinar o português a seus pequenos de forma lúdica e prazerosa. Ouvir música desde novo melhora o humor, ajuda no desenvolvimento da linguagem e do cérebro, desenvolve a habilidade musical, fortalece o vínculo com os pais. Existe recompensa maior do que ver seu filho ou filha reproduzindo um gesto musical seu e esperando que você cante para ele em troca de um sorriso largo?

16 مشاهدة
  • White Instagram Icon

© Copyright 2018 by a hora do conto em Dubai

Contato

Cel: +971 50 241 7823​⁠​

Email: horadocontodubai@gmail.com

Endereço

Al Khail Road

Al Barsha south